Todos os horários
A&EXTRAS

Idosa de 82 anos aprende a programar e cria aplicativo que é sucesso no Iphone

Quem não gostaria de criar um aplicativo que, além de facilitar a vida das pessoas, ainda rendesse prestígio na indústria da tecnologia? Esse é certamente o sonho de muitos jovens pelo mundo. 

Mas uma senhora de 82 anos resolveu que queria fazer parte desse universo também. 

A diferença é que ela conseguiu transformá-lo em realidade. 

Octogenária, a japonesa Masako Wakamiya comprou um livro de programação sobre Swift, a linguagem que a Apple em seus smartphones, tomou aula com programadores profissionais via Skype e pouco depois se aventurou a criar um aplicativo direcionado ao público idoso, um jogo chamado Hinadan. 

O jogo é baseado num festival de bonecas japonesas que acontece todos os anos. No aplicativo, o usuário precisa trabalhar fatores como memorização e destreza. 

Na App Store da Apple, o aplicativo é super bem avaliado e já contabiliza mais de 60 mil downloads. A meta agora é adaptar o jogo para inglês, chinês e talvez até para o francês. 

O sucesso fez com que Masako começasse a se preparar para desenvolver mais jogos. E ela não demonstra qualquer sinal de cansaço. 

Curiosa, começou a se interessar por tecnologia aos 60 anos, quando se aposentou do cargo de funcionária de banco. Sentindo-se isolada, buscou na tecnologia uma forma se conectar com o mundo. A partir daí foi ganhando familiaridade com computadores e telefones celulares.  

Todo esforço e dedicação rendeu frutos. Masako foi nomeada membro de um comitê especial sobre envelhecimento no Japão, participou de conferências pelo mundo todo e até foi reconhecida por Tim Cook, CEO da Apple, como “a mais velha desenvolvedora do mundo”. 

“Ao ensinar o idoso a fazer coisas novas, isso lhes dá uma empolgação, uma motivação. Eu realmente gosto desse sentimento e sou capaz de compartilhar isso”, disse em entrevista a uma revista americana recentemente.


Nova temporada de BULL - toda quinta às 21h40


Fonte: Época Negócios | Imagem: YouTube/Reprodução