Todos os horários
A&EXTRAS

Polícia prende grupo que ficou milionário roubando aposentados na boca do caixa

Após meses de investigação, as autoridades argentinas conseguiram desarticular um grupo de criminosos que atacava, sobretudo, pessoas idosas. Três membros da organização foram presos acusados de ter realizado sequestros virtuais e outros golpes. 

Segundo fontes policiais confirmaram, os suspeitos tinham mais de uma dezena de carros de alto valor e haviam arrecadado uma milionária quantia de dinheiro em dólares, escondida em um cofre em um banco. As autoridades destacaram que os criminosos realizavam golpes em áreas de alto poder aquisitivo, e procuravam idosos endinheirados, fazendo-se passar por seus netos. 

A principal manobra que os “carinhas de bebê” (como se chamava o grupo) executavam era abordar diferentes aposentados para informar-lhes que deveriam trocar seus cartões porque iam sair de circulação. Com essa desculpa, levavam as vítimas até uma agência bancária, os faziam sacar dinheiro e então os roubavam. 

O ministro de Segurança da província de Buenos Aires, Cristian Ritondo, assegurou que já existem vinte roubos comprovados, e certamente muitos outros irão aparecer. No momento, os três detidos estão à disposição da justiça, que continuará a investigação para tratar de determinar se há mais pessoas envolvidas na organização. 


Eles ficarão dois meses dentro de uma cadeia nos EUA, como prisioneiros disfarçados. 60 DIAS INFILTRADOS NA PRISÃO - Episódio duplo nesta sexta, a partir das 20h!


Fonte: Infobae