Todos os horários
A&EXTRAS

Surfista arrisca a vida para salvar filhote de baleia que estava preso em rede de pesca

Um surfista pegava onda no litoral de Laguna, em Santa Catarina, quando avistou um filhote de baleia-franca que nadava com dificuldade, já próximo à praia, enrolado em pedaços de redes de pesca. 

O empresário João Alberto Schmidt, conhecido como Baiuka, não pensou duas vezes: imediatamente se enfiou mar adentro em direção ao animal. 

“Eu vi que aquele bicho realmente precisava de ajuda e teria que ser naquele momento. Eu sei que existem alguns protocolos, mas no momento teria que prestar ajuda, eu não queria ver o bicho de forma nenhuma encalhar na praia ou viesse a falecer", disse ele em entrevista ao G1.

Com uma faca na mão, Baiuka levou cerca de três horas para liberar o animal das redes. O resgate começou às 16h30. 

Durante todo o tempo, a baleia-mãe ficou nadando ali próximo 

"Não aconselho ninguém a fazer algo semelhante, porque é perigoso, o bicho é gigante. A gente pegou um momento muito crítico, que foi a hora que ela já estava vindo para a praia”, conta.

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), que funciona na Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), foi acionado mas acabou acompanhando o resgate das areias da praia.

Os protocolos da Área de Proteção Ambiental (APA) da Baleia Franca recomendam que uma operação dessa magnitude seja realizada apenas por especialistas. 




Fonte: G1 | Imagem: Reprodução/ NSC TV